.posts recentes

. O REGRESSO.. NOUTRO SÍTIO

. Arquivos

. A Incerteza

. Mimos e Beijos

. 3 Anos

. Esclarecimentos

. Decisões...

. Lene

. Ter-te comigo

. Pequena frase

.arquivos

. Maio 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

Quinta-feira, 26 de Agosto de 2004

A Dor de te Ver Triste

Não bastava a tristeza inerente à nossa distância, quando ainda tiveste que entristecer com a partida de alguém que te era muito especial.
Nunca te tinha visto assim, a mágoa vestia-te e desespero levou-te a tua voz doce. Fiquei sem saber o que fazer para minorar a tua dor, senti-me impotente... Tentei não me refugiar nas palavras de circunstância, tentei ser uma pessoa que realmente te ajudasse a ultrapassar...

Nõa há preparação possível para estes momentos, apesar de sabermos que é a única certeza com a qual nascemos. Acho que pensar nisto não deixa ninguém indiferente.

Força Amor. Estarei sempre contigo.
Amo-te
publicado por Unpredictable às 16:42
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 27 de Agosto de 2004 às 01:54
Uabet, neste momento tudo o que se possa dizer é pouco e se calhar sem significado para ti como tal não vou dizer nada... fica o silêncio...
Força!
Beijões grandes para os dois sendo um especial para ti!Ana Pinheiro
</a>
(mailto:aspinheiro@portugalmail.com)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds