.posts recentes

. O REGRESSO.. NOUTRO SÍTIO

. Arquivos

. A Incerteza

. Mimos e Beijos

. 3 Anos

. Esclarecimentos

. Decisões...

. Lene

. Ter-te comigo

. Pequena frase

.arquivos

. Maio 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

Sexta-feira, 27 de Agosto de 2004

O Teu Riso

Ri-te da noite,
do dia,da lua,
ri-te das ruas,
tortas da ilha,
ri-te deste grosseiro,
rapaz que te ama,
mas quando abro
os olhos e os fecho,
quando meus passos vão,
quando voltam meus passos,
nega-me o pão, o ar,
a luz, a primavera,
mas nunca o teu riso,
porque então morreria.


publicado por Unpredictable às 18:49
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 28 de Agosto de 2004 às 00:41
Terminadas as férias estão de volta e nem avisam!!! O Habitante do Local ImperfeitoJAC
(http://jac.blogs.sapo.pt)
(mailto:jac_blog@sapo.pt)
De Anónimo a 27 de Agosto de 2004 às 22:34
Lindo poema. Já n vinha à uns tempos...Cap
</a>
(mailto:captopril_2004@hotmail.com)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds